Opinião

Carlos Matias

O populismo também é incendiário

O populismo insinua-se na análise das causas e das soluções para os incêndios rurais; simplifica o que é complexo, apontando uns quantos “culpados”, apregoa umas receitas de cartilha, elide os interesses em confronto e foge à definição concreta do conteúdo das “reformas” por fazer. Ora, aqui é que “bate o ponto”….

José Manuel Pureza

Uma nova respiração

Há movimento social em Portugal. A manifestação de jovens na Avenida da Liberdade contra a violência racista, a greve feminista e a greve estudantil pelo clima mostram essa nova vitalidade do movimento social, a sua criatividade propositiva e a sua determinação transformadora. E, mais que tudo, têm a força irreprimível da juventude.

Francisco Cordeiro

Vida ou lucro?

A polémica sobre a Celtejo foi-se diluindo com o tempo, mas os problemas de poluição no rio Tejo têm persistido.

 

Resoluções Mesa Nacional

Várias dezenas de aderentes, simpatizantes e amigos do Bloco de Esquerda do Entroncamento conviveram animadamente, durante o tradicional magusto de S. Martinho.

Esta iniciativa tem vindo a realizar-se regularmente, mas teve lugar pela primeira vez na nova sede. As novas instalações, mais amplas e mais centrais do que as anteriores, revelaram ótimas condições para iniciativas envolvendo dezenas de pessoas.

Resumo da atividade politica da deputada Fabíola Cardoso na Assembleia da República e no distrito de Santarém:

O Bloco de Esquerda reunirá em Plenário Distrital de Aderentes, com a presença da Coordenadora Nacional, Catarina Martins, na próxima sexta-feira, dia 22 de novembro, pelas 21h, no Entroncamento, no Cine121.

Da ordem de trabalhos proposta para o Plenário Distrital de Aderentes constará o balanço das eleições legislativas 2019 e a abordagem de politicas para o distrito de Santarém.

O Bloco de Esquerda apela a uma ampla conjugação de forças de movimentos ambientalistas, autarcas, forças sociais e culturais do distrito de Santarém em defesa dos direitos do rio Tejo, capaz de enfrentar a inconsistência e subserviência do governo português, mas também a arrogância e o egoísmo dos indefensáveis interesses económicos que as autoridades espanholas estão a representar e a defender.

Não vamos permitir a degradação e o definhamento de toda a vida só possível com um rio Tejo saudável e com caudais ecológicos diários assegurados.

O novo Secretariado Distrital do Bloco de Esquerda, emanado da Coordenadora Distrital de Santarém, constituído pelo Coordenador Luís Gomes, e pelos secretários Ana Sofia Ligeiro, Carlos Marecos, Francisco Colaço, Paulo Marques e Tiago Carvalho, reunido ontem, dia 8 de outubro, procedeu a uma primeira avaliação os resultados das Eleições Legislativas do passado domingo, congratulando-se pela manutenção de um deputado eleito pelo distrito, através da eleição de Fabíola Cardoso, bem como pela manutenção e reforço da influência dos partidos de esquerda, perante a derrota clara dos partidos de direita.

A candidatura do Bloco de Esquerda, encabeçada por Fabíola Cardoso, com ativistas e candidatos, visitou a Comunidade Intermunicipal da Lezíria do Tejo (CIMLT) onde se fez um diagnóstico do estado da Comunidade e se deixaram ideias para futuro. O BE foi recebido pelo Presidente da Câmara Municipal de Almeirim e Presidente do Conselho Intermunicipal Pedro Ribeiro e pelo Primeiro-Secretário António Torres.

Páginas